Das falácias e outros quejandos.

Foto daqui.

Conversamos?!... sobre falácias e outros quejandos? Então faz favor. Mas por ora, só um pequeno "diagnóstico diferencial". Pode ser?

"Falácias
um argumento falso ou uma falha no argumento. Logicamente inconsistente, inválido, ou que falhe de outro modo no suporte eficaz do que pretende provar. O termo falácia deriva do verbo latino fallere que significa enganar. Tem o aspecto de um argumento correcto e válido mas não é uma coisa nem outra. Vendo o Guia das Falácias, de Stephen Downes, percebe-se que 80% ? 90% ? das discussões são de falácias contra falácias…

Sofismas
raciocínios com falhas voluntárias, produzidas de forma a confundir alguém numa discussão. O raciocínio parte de premissas verdadeiras ou verossímeis - todavia, são concluídos de uma forma inadmissível ou absurda. Por definição, o sofisma tem o objetivo de dissimular uma ilusão de verdade, apresentado-a sob esquemas que parecem seguir as regras da lógica.

Paradoxos
os raciocínios onde se parte de enunciados não contraditórios, e se chega a conclusões contraditórias. Num paradoxo tanto se desmonstra a veracidade como a falsidade de um juízo.
A palavra paradoxo significa literalmente o que está para além do senso comum

Mentiras
informação falsa. desvios ou erros propositados sobre factos reais.

diferindo conversas mais longas para daqui a uns dias, fica prometida a continuação do assunto (que me interessa e a mais gente, também)."

Comentários

Su disse…
a vida é uma eterna mentira

su dixit:)

jocas maradas
directriz disse…
pode ser. mas só faz sentido se não assim se não acreditar. não é?

Mensagens populares deste blogue

anular-se

ame.

aceite-se.

raiar

na compaixão