Só não sei.

Descendo a Avenida da Liberdade até aos Restauradores, atravessando, a pé, sinais vermelhos [ops..., não se deve nunca...], circulando mesmo nalguns momentos na faixa de rodagem, não ouvindo uma única buzinadela ou outra coisa qualquer e espantando-me com a desusada falta de frenesim - mais parece Agosto... -, assalta-me uma dúvida: Lisboa amainou? Ou, provincianou-se? Seja como fôr, parece bem mais simpática. Só não sei se é do que vejo ou da forma como vejo.

Comentários

Su disse…
...são os teus olhos......

jocas maradas ...sempre
Vênus disse…
...Será que sei de cor os teus passos pela cidade?...Adivinho!

Os olhos com que "sentimos" tudo depende do nosso estado de espírito...Aqui o verão está mais brilhante que nunca!
Ribatejana disse…
Para mim não amainou. Suponho que seja da forma como vê... mas que a Av. da Liberdade tem muito charme, isso tem. Aliás, eu adoro a capital... deve ser por não morar lá, nem ser obrigada a enfrentar o trânsito da hora de ponta na maior parte dos dias.
Lisboa é belíssima. E para o descobrir nada como um olhar onde passa o coração. :)

Mensagens populares deste blogue

aceite-se.

ame.

anular-se

raiar

na compaixão