Paisagem.

Impressiona o levantar do véu sobre a natureza intrínseca do "DN-Madeira": numa pirueta pró-tabloidização e populismo rasca revela que é tão pasquim quanto os outros.
Com uma diferença essencial: os outros são o que sempre foram e nenhum engano e engodo os seus leitores podem incorrer - o inútil "JM" é o regime em estado puro, o corrosivo "Garajau" é o anti-poder e por aí fora; - o "DN", sob uma aparência de independência e de pretensos critérios jornalísticos, é um sem fim de pseudo-notícias, vacuidades e irrelevâncias. Um trunfo muito mais útil que o "JM" na pacificação do povo superior.
O melhor é passar a ler aqueles que genuínos ainda são e, por isso, passar-se-á a ler o "JM" e o "Garajau". O resto? Vai para o balde do lixo porque é paisagem.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

anular-se

ame.

aceite-se.

raiar

na compaixão